As lojas que vendem materiais para construção têm perfis e necessidades muito diferentes entre si, o que significa que é muito difícil encontrar um sistema de gestão que seja ao mesmo tempo simples de usar e que tenha todas as funcionalidades mais importantes.

Por isso, preparamos para você esse pequeno guia que vai te ajudar a achar o melhor sistema para a sua loja de materiais para construção. No artigo você vai conferir 10 características indispensáveis que um sistema de gestão deve ter para atender às especificidades do seu negócio, incluindo a gestão do estoque, vendas, entregas, análises de crédito dos clientes e muito mais!

1 – Gestão do ponto de venda

A operação do PDV é o item mais importante a ser avaliado durante a escolha de um bom sistema de gestão destinado à sua loja de materiais para construção. Não importa se a sua operação é grande ou pequena, o seu sistema precisa ter uma performance de frente de caixa rápida, segura e intuitiva para os operadores.

2 – Entregas

As entregas são uma das preocupações fundamentais de todo varejista de materiais para construção, e é importante que o sistema de gestão possa organizar as entregas de forma inteligente, emitindo ordens de embarque e relatórios automáticos para organizar a venda futura.

3 – Gestão de compras

A gestão de compras é um fator estratégico para qualquer sistema de gestão, pois permite avaliar o momento certo de repor o estoque, fazer cotações, sugerir compras automaticamente e criar condições para a economia de recursos através de relatórios de vendas e do histórico.

4 – Controle dos estoques

Não ter um produto em estoque é a receita mais simples para perder clientes em uma loja de materiais para construção. Por isso, é essencial contar com um sistema eficiente para gerir múltiplos estoques e permitir o gerenciamento simultâneo e automático dos itens.

5 – Gestão financeira

A gestão financeira é um recurso indispensável em um software de gestão. É importante que pelo menos as soluções financeiras básicas estejam inclusas no sistema, como a emissão de relatórios financeiros – a exemplo da Demonstração do Resultado do Exercício – DRE, controle de contas a pagar e a receber, fluxo de caixa e integração com os demais sistemas.

6 – Cobrança e crédito

Uma loja de materiais para construção trabalha com diversas formas de crédito para os seus clientes, e por isso precisa que o seu sistema faça o controle das linhas de crédito, incluindo cartão próprio.

7 – Nota Fiscal simplificada

Em pleno século 21 não dá mais pra comprar vários sistemas separados. O melhor sistema vai fazer integração com a SEFAZ e realizar a emissão de NF-e e NFC-e nativamente.

8 – Adequação à legislação

A legislação tributária e fiscal brasileira é uma das mais complexas do mundo, e o setor de construção civil tem algumas peculiaridades adicionais. Assim, é importante que o sistema de gestão seja adequado à legislação vigente e constantemente atualizado.

9 – Facilidade de uso

Ser fácil de usar e ter uma interface intuitiva é o mínimo que se espera de um bom sistema. Além do mais, é muito mais fácil para capacitar os colaboradores e diminuir problemas causados por operação indevida.

10 – Suporte

Esse quesito é um dos mais importantes: tenha certeza que a empresa responsável pelo seu sistema seja competente e dê suporte constante. Problemas e paralisação no seu software significam prejuízo na certa, e quanto melhor o suporte, menos chance existe de isso acontecer.

 

Quer conhecer mais sobre o melhor sistema para lojas de materiais para construçãoEntre em contato conosco e agende já uma demonstração!